Comer Bem Você Sabia?

Os benefícios nutritivos da nossa Goiaba

Todo mundo sabe que frutas em geral são muito bem vindas em uma dieta saudável, mas também é legal entender quais os benefícios de cada uma e transformar cada mordida em um algo não só gostoso pro paladar mas importante para o corpo. A goiaba, por exemplo é uma fruta de clima tropical com alto valor nutritivo, pesando cerca 100 a 150g a unidade. Existe a goiaba branca e goiaba vermelha. Ambas podem ser consumidas in natura, utilizadas ainda na preparação de doces, geleias, sucos de frutas. A goiaba é excelente fonte de carboidratos, vitamina C, licopeno, taninos, flavonoides (rutina e quercetina), potássio, cobre, sódio, magnésio, zinco e fibra pectina.

A presença de taninos é responsável pela atividade antimicrobiana, e os flavonoides, vitamina C e o licopeno, responsáveis pela atividade antioxidante. A vitamina C participa de diversos processos metabólicos como a síntese de colágeno, melhora a cicatrização, reduz sangramento de gengivas e aumenta a absorção do ferro não-heme (origem vegetal: feijão, lentilha, espinafre, couve…) ao ser utilizada na grande refeição. Previne anemia, age como antioxidante, combate os radicais livres e nutre as células, além de atuar no sistema imunológico.

O licopeno é um pigmento carotenoide presente naturalmente em frutas e vegetais vermelhos, como goiaba, tomate, melancia, morango. Tem potente ação antioxidante. Muito usado na prevenção e tratamento de doenças cardiovasculares, alguns tipos de câncer (próstata, mama, pele, bexiga…), vírus HPV (relacionado ao câncer de útero) e degeneração muscular.

O potássio é um eletrólito importantíssimo para o funcionamento de todas as células (se encontra em grande quantidade no meio intracelular – dentro da célula) e para o equilíbrio ácido-base do nosso corpo. Junto a outros minerais, como sódio, cloro, cálcio e magnésio, atua na condução do impulso elétrico, contração muscular e função cardíaca.

A pectina é uma fibra solúvel utilizada para regularização intestinal, principalmente em casos de diarreia, controle do colesterol e melhora o controle glicêmico.

Para consumo da fruta in natura é preciso lavar em água corrente, deixar de molho por 20 minutos em solução de hipoclorito (1 colher de sopa de água sanitária para 1 litro de água ou inúmeros produtos especiais para lavagem de frutas e verduras) e passar novamente da água corrente antes de consumir. #BrasilRun

Fonte: Eu Atleta

Adicionar comentário

Clique aqui para comentar o post

Newsletter

Publicidade