Para as Meninas

Câncer de mama pode ser evitado através dos alimentos

Cancer de Mama - Maça
Cancer de Mama

O movimento Outubro Rosa nasceu nos Estados Unidos, na década de 1990 com o objetivo de trazer maior consciência à população sobre a importância da prevenção do câncer de mama. Desde então, as descobertas e informações sobre a doença tem aumentado no mundo todo, assim como o despertar das mulheres sobre o auto-exame e outras maneiras de manter uma vida saudável e longe desse terror.

É bom saber que existem alimentos que ajudam na prevenção do câncer de mama e de acordo com nutricionists, a alimentação e a nutrição inadequadas são classificadas como a segunda causa de câncer que pode ser prevenida.

Fazer escolhas ruins e nada saudáveis pode te deixar mais perto dos grupos de risco. Até 20% dos casos de câncer nos países em desenvolvimento, são causados por uma vida cheia de alimentos errados e sedentarismo. Estudos mostraram que uma alimentação rica em fibras, com alto consumo de legumes e frutas, principalmente na adolescência reduz o risco de câncer de mama.

Vitaminas, minerais e fibras, frutas e verduras contêm uma série de compostos chamados de bioativos ou fitoquímicos, que são capazes de interferir em vários processos alterados nas células durante o desenvolvimento do câncer. Essas substâncias também combatem os radicais livres, protegem o DNA e impedem que as células se dividam descontroladamente.

Assim como no dia a dia de uma vida saudável comum, evitar os alimentos industrializados como enlatados e embutidos e frutas, verduras e legumes contaminados por agrotóxicos, quando se pensa em prevenção ou cuidados com a doença também é prudente evitar tudo isso e optar por alimentos orgânicos.

Alimentos que costumam ser indicados para evitar o câncer de mama são frutas, legumes, verduras, cereais integrais, feijões e outras leguminosas, além de alimentos com Vitamina D e B9, já que a deficiência de vitamina D tem sido implicada como fator de risco no desenvolvimento de câncer. O ácido fólico (vitamina B9), por exemplo, é importante para a reprodução das hemácias, as células vermelhas do sangue, além de ajudar na manutenção de células novas e prevenir alterações no DNA, que podem levar ao câncer.

A ingestão de alimentos com vitamina E também ajudam na diminuição de tumores e no fortalecimento do sistema imunológico. O resveratrol diminui o crescimento do tumor e é até capaz de matar células cancerosas por si só. Além disso, o Ômega-3, encontrado em peixes como salmão, fortalece os telômeros das fitas de DNA, que servem para selar e proteger o código genético de danos causados por células cancerosas.

Consulte com seu nutricionista sobre quais alimentos possuem essas vitaminas e nutrientes que podem te ajudar e muito seja na prevenção da doença ou até tratamento. E claro, não deixe nunca de manter o corpo em movimento sempre que possível!

Fonte: Sportlife

Curtiu? Leia aqui também sobre os benefícios do magnésio para as mulheres!

Adicionar comentário

Clique aqui para comentar o post

Newsletter

Publicidade